Marca japonesa Miniso comercializará produtos na Amazon Índia

Fonte: Imprensa Mercado & Consumo

A varejista Miniso e a Amazon firmaram um acordo na Índia. A empresa de comércio eletrônico começou a vender neste final de semana os produtos da empresa japonesa em sua plataforma. A data foi escolhida devido ao grande festival indiano. A oferta foi iniciada com produtos das categorias de casa, cozinha e beleza.

Shalini Puchalapalli, diretora de gerenciamento de categorias da Amazon Índia, afirmou: “Estamos empolgados em fazer parceria com a Miniso e oferecer aos clientes uma ampla variedade de opções no Amazon.in. Durante o Grande Festival Indiano, os clientes podem esperar uma grande variedade seleção de produtos das melhores marcas da Amazon.in “.

Siddharth Venkataraman, CEO da Achhacart, que cuida das vendas da Miniso na Índia, disse: “Nesta temporada festiva, os clientes podem comprar todos os seus produtos favoritos da Miniso online com a garantia de experiência do cliente da Amazon”.

Com informações do site Retail Economic Times
*Imagem reprodução

Previous Não perca o 9º Congresso Brasileiro de Marcas Próprias e Terceirização - Abmapro
Next Brink+, marca própria de brinquedos da Lojas Americanas, aumenta sortimento em 15% para o Dia das Crianças e já acumula crescimento de 20% em vendas em 2019

You might also like

Comércio varejista

Varejo farmacêutico tem faturamento de R$ 110,08 bilhões

O faturamento das vendas de medicamentos e de produtos em farmácias e drogarias cresceram no Brasil. Mesmo com a lenta recuperação da economia, o desempenho do setor foi positivo. Esta

Notícias

Barras, tabletes e bombons vão dar o tom da Páscoa nos supermercados

Fonte: DCI PAULA CRISTINA SÃO PAULO •02.03.18 5:06 AM Para caber no bolso dos consumidores, principais redes do Brasil elevaram em até 25% os pedidos de produtos mais baratos à

Destaques

DIA aposta com firmeza em marcas próprias

Qual é a importância da marca própria para os negócios da rede? O segmento de marca própria é um dos pilares estratégicos do nosso negócio, pois contribui para a fidelização

Têxtil e couro

Urupês emprega mil pessoas no setor de confecção

Fonte: diariodaregiao.com.br Urupês se torna arranjo produtivo local do setor do jeans e ganha mais acesso a financiamentos e projetos do governo; cidade reúne quase 60 empresas de confecção que