Amazon deve lançar marcas próprias para venda de produtos alimentícios

Varejista online já vendia alimentos de outras companhias, porém é a primeira vez que cria marcas exclusivas para vendê-las no próprio e-commerce

Fonte: IDG Now

16/05/2016

Ao que tudo indica, a gigante do varejo online Amazon também entrará no mercado alimentício com marcas próprias. A expectativa é que elas sejam lançadas oficialmente até o final do mês de maio, segundo informações do Wall Street Journal.

A varejista já vende produtos alimentícios de outras marcas há pelo menos dez anos. Mas é a primeira vez que a companhia venderá alimentos sob marcas das quais detém, ou seja, recebendo todo lucro. De acordo com a Tech Insider, sob os nomes de “Happy Belly”, “Wickedly Prime” e “Mama Bear”, a Amazon venderá desde nozes, chá a doces e comidas para bebês.

Não é a primeira vez que a Amazon cria marcas próprias para vender produtos dentro do próprio e-commerce. A varejista já criou marcas exclusivas para vender desde papel higiênico a baterias.

Vale ressaltar que ao entrar no mercado alimentício, a Amazon pode conquistar uma fatia considerável de um mercado global que, em 2015, foi de US$ 2,14 trilhões de dólares, segundo portal de estatísticas online Statista.

No início desse ano, a Amazon também passou a apostar no varejo de moda, criando sete marcas de roupas para vender no próprio site.

 

Previous II Encontro de Grandes Líderes: executivos do varejo e indústria ressaltam qualidade da programação
Next Cooperativas agropecuárias avançam cada vez mais em direção ao varejo

You might also like

Notícias

Mundo Verde lançará e-commerce

Fonte: Exame – Por Mariana Fonseca Rede de produtos naturais estima que a operação online represente de 5 a 7% de suas vendas A Mundo Verde, rede de lojas franqueadas

Notícias

Lidl aposta em gama de chocolates sustentáveis ‘Way to Go’

O Lidl, em colaboração com a associação de agricultores Kuapa Kokoo do Gana e a associação Fairtrade, apostou na ‘Way to Go’, uma gama de chocolates que o grupo de retalho afirma que “oferece

Plástico, borrada e não metálicos

Primeiro selo ‘livre de plástico’ vai ajudar consumidores a conter poluição

Fonte: REUTERS • LONDRES   Um novo selo “livre de plástico” lançado na Grã-Bretanha na quarta-feira permitirá que consumidores identifiquem produtos com embalagens plásticas, com as empresas sob crescente pressão para

16.10 – Congresso de Marcas Próprias Abmapro 2018

Para mais informações entre em contato via WhatsApp