ABMAPRO participa da 11ª Reunião do Fórum de Competitividade do Varejo, liderado pelo Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços (MDIC), em Brasília

Neide Montesano, presidente da associação, passa a integrar uma das cadeiras do Fórum que conta com a representação das maiores entidades de varejo do Brasil

 

 

No último 28/09, aconteceu a 11ª Reunião do Fórum de Competitividade do Varejo, liderado pelo Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços (MDIC) e que foi presidida pelo secretário de Comércio e Serviços, Marcelo Maia.

Entre os representantes das maiores entidades do varejo nacional estava a presidente da ABMAPRO – Associação Brasileira de Marcas Próprias e Terceirização, Neide Montesano, que passou a integrar o Fórum como um dos membros e que acompanhou com otimismo a agenda convergente do setor e as novas propostas de discussões entre governo e empresas privadas. “A seriedade e comprometimento com que tratam os temas para a indústria e comércio é impressionante! Estou muito otimista quanto aos rumos que o setor tomará”, ressalta.

 

Os participantes do Fórum e a Secretaria do MDIC comemoraram conquistas recentes como a modernização trabalhista, a assinatura do Decreto que reconhece a atividade supermercadista como essencial e a extensão do prazo para que as empresas se adequem a liquidação centralizada das ordens eletrônicas de débito e crédito.  O prazo foi estendido para 28 de setembro do próximo ano. A medida regulamentada pelo Banco Central atingia empresas de varejo, principalmente aquelas com modelo de negócio de atuação via marketplaces que atuam como prestadores de serviços de pagamento (subcredenciadores).

Outro ponto em destaque foi a agenda de varejo no comércio eletrônico, que prevê, dentro do plano de ações, a troca de experiências entre China e Brasil para maior integração e intercâmbio no comércio eletrônico.

Lançado dois dias antes do Fórum, o Plano Progredir também esteve na pauta da reunião e tem como objetivo torná-lo realidade também na contratação no varejo. Trata-se de um conjunto de ações que visa facilitar o acesso das pessoas inscritas no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico), a oportunidades de emprego e renda. O Plano foi instituído pela Secretaria de Inclusão Social e Produtiva do Ministério do Desenvolvimento Social (MDS). O secretário-executivo do MDIC, Marcos Jorge de Lima, assinou protocolo de intenções com o setor privado para colaborar com o desenvolvimento e aperfeiçoamento do Progredir.

 

Fique por dentro das novidades também em nossa página no Facebook:

Facebook.com/abmapro

 

 

 

 

Previous Produto de marca própria é excelente opção para o final do ano
Next ABMAPRO no Canal Executivo (UOL) falando sobre o crescimento no consumo de Marcas Próprias

You might also like

Alimentos

Orgânicos devem faturar 20% mais este ano

Fonte: IsteÉ O faturamento do setor de alimentos orgânicos alcançou R$ 3,5 bilhões em 2017 no mercado interno e mais US$ 210 milhões em exportações, números 20% superiores aos do

Farmacêuticos e higiene

Maior rede de farmácias do sul, Panvel acelera expansão em SP

Por Estadão Conteúdo Com apenas quatro lojas na capital paulista, a partir de 2019, empresa gaúcha quer chegar a 45 pontos de venda, com previsão de dez novas farmácias por

Destaques

Carrefour reduz marcas de fabricante em quatro lojas francesas

Fonte: HiperSuper A Carrefour está a implementar, em quatro lojas francesas, um projeto piloto que prevê a eliminação de muitas das marcas de fabricantes dos seus lineares. A experiência pretende

Notícias ABMAPRO

Marcas próprias alcançam mais de 32 milhões de lares no Brasil

As marcas próprias seguem se consolidando na economia nacional. Em pesquisa apresentada pela Kantar Worldpanel, o número de lares brasileiros que consumiu algum produto desse segmento atingiu a expressiva marca de