Grande supermercado holandês adota blockchain para tornar transparente a produção de suco de laranja

A Albert Heijn, a maior cadeia de supermercados da Holanda, revelou que está usando o blockchain para tornar a cadeia de produção de seu suco de laranja transparente, informou a International Supermarket News em 21 de setembro.

A Albert Heijn lançará o novo sistema blockchain em parceria com seu fornecedor, a Refresco. Para fornecer aos clientes o máximo de informações sobre a origem do produto “sustentável” de marca própria da Albert Heijn, eles poderão escanear um código QR na embalagem de suco de laranja que rastreará a rota de ponta a ponta de sua produção, no Brasil até os Países Baixos.

Previous Maior rede de farmácias do sul, Panvel acelera expansão em SP
Next Bahia é mais um clube a apostar em marca própria no Brasil

You might also like

Comércio varejista

GPA anuncia novidades para democratizar Qualitá

Fonte: No Varejo – Por Gabriella Sandoval Dez anos depois do lançamento de Qualitá, o Grupo GPA tem uma meta ousada: fazer com que os produtos de marca própria caiam no gosto dos consumidores brasileiros – e

Notícias

“Marca própria” no Brasil, deve crescer 15% até o fim de 2014

Fonte: DCI O avanço da inflação no País tem levado os consumidores a optarem por itens mais baratos, favorecendo a expansão da produção terceirizada. Com isso, as indústrias que fabricam produtos

Comércio varejista

Carrefour reduz marcas de fabricante em quatro lojas francesas

Fonte: HiperSuper A Carrefour está a implementar, em quatro lojas francesas, um projeto piloto que prevê a eliminação de muitas das marcas de fabricantes dos seus lineares. A experiência pretende

Notícias

O selo Amazon

Fonte: Portugal Textil A Amazon já tem a lealdade de 100 milhões de membros do serviço de subscrição Prime – mas não basta. Agora, a plataforma de comércio electrónico quer